2012 – Recomeçar

Como aconteceu em 2000 voltamos a viver as mesmas dúvidas agora em 2012, o mundo irá acabar no dia 21 de dezembro de 2012 conforme as inscrições Maia.

Será? Em 2000 falavam tanto que teve gente que nem saiu de casa na virada do ano para poder morrer em casa, afinal, nossa casa é nossa maior segurança e o mundo não acabou.

Mas se acabar não pode acabar depois do Natal ou depois do Ano Novo, pois como bons Brasileiros adoramos curtir uma comemoração, certo?

Mas vamos falar de 2012 caros(as) amigos(as).

Começamos mais um ano e todo início é uma fase de reformulações e renovações, prometemos várias “coisas” no começo de todo ano e nem sempre cumprimos durante o decorrer dele, mas nós, seres humanos somos assim mesmos, movidos por emoções e desejos.

Desejamos algo hoje que nem sempre desejamos amanhã e as emoções de hoje nem sempre serão as de amanhã, por isso, recomeçamos no meu pensar todos os dias a partir que levantamos da cama, e não, no início de cada ano. O início pra mim e todas as manhãs e o fim é quando deito e fecho os olhos.

Todos os dias finalizamos, e todos os dias recomeçamos, assim, eu acredito e assim eu sou feliz, pensando um dia de cada vez, pois o futuro acontece conforme você vive o seu presente.

Terceiro ano da faculdade, estamos recomeçando, e agora, muito mais confiante, afinal, já se passaram dois anos e ainda faltam mais dois, metade do ciclo já está completo, agora falta a outra metade, que deve ser formada a cada dia com as dúvidas, as certezas e as perguntas.

As férias é uma renovação é uma forma de repensar tudo e recomeçar novamente e fazer de cada dia um novo dia, um novo recomeço e um novo pensar, e sobre acabar o mundo, sinto decepcioná-los, mas o mundo não irá acabar em 2012, pois existe uma nova interpretação para as inscrições Maia e agora o mundo não vai acabar mais, que pena, agora que eu já estava me acostumando com a ideia, então, como disse, vou recomeçar.

E outra, vamos parar de achar que o mundo vai acabar e vamos trabalhar.

Matéria History

Uma nova interpretação das inscrições maias começa a ganhar força. Em vez de predizer o fim do mundo no ano que vem, na realidade a mensagem do antigo povo faz referência à chegada de um deus. Ao menos, essa é a interpretação dos hieróglifos de Sven Gronemeyer, da Universidade de La Trobe, na Austrália, apresentada no sítio arqueológico de Palenque, no sul do México, nesta quarta-feira.

As interpretações de Gronemeyer são baseadas em uma tábua de pedra, encontrada anos atrás, no sítio arqueológico de Tortuguero, na costa do Golfo do México. Ele disse que a inscrição prevê o retorno do misterioso deus maia Bolon Yokte (deus da criação e da guerra) no final de um período de 13 de 400 anos, conhecido como Baktuns, que equivale ao dia 21 de dezembro de 2012. Os maias consideram sagrado o dia 13. Segundo o pesquisador, não há nada de apocalíptico nesta data. Veja mais aqui.

Anúncios